revirando o baú

Le Petit Prince

29/02/2016



Poderia fazer uma resenha,mas o que permeia pelo livro O Pequeno Príncipe já é suficiente para retrata-lo muito bem,que particularmente para mim é um dos mais singelos que já vi.Tem sensação de nostalgia e algo bom...


Li o livro pelo primeira vez no quarto ano do ensino fundamental. Naquela época já era feliz com o projeto do meu professor em passar livros periódicos com o intuito de lermos para apresenta-los através do teatro para a turma. E o Pequeno Príncipe foi um dos primeiros, então tem gosto de infância também, aquela sensação de entrar um mundo totalmente alheio ao seu, mas que te faz querer estar sempre presente, saber mais, imaginar mais, entre outras coisas que daria três post's para eu sinalizar aqui (sim, é exagero meu rsrs),mas não anula todas as coisas boas que vi e vejo através dele.


Além do livro,gosto de todo o mundo que foi criado em sua volta ,como frases (juro que daria para ser uma filosofia,se já não é) e objetos dos mais variados tipos, acessórios entre outros...


"Devia tê-la julgado pelos atos, não pelas palavras. (…) Mas eu era jovem demais para saber amar."



"É preciso que eu suporte duas ou três larvas se quiser conhecer as borboletas. Dizem que são tão belas..." 

Comprei o mesmo (capa dura versão deluxe) por R$ 16,90 na Fnac durante a Black Friday.



P.s: Sim, eu chorei muito com o filme!

Espero que tenham gostado


Comentários
0 Comentários